Você vive no piloto automático? Por Eduardo Shinyashiki

O cérebro humano tem aproximadamente 100 bilhões de neurônios, que se comunicam entre si igualmente em todos os seres humanos, porém, o modo como eles se organizam nas redes neurais varia de pessoa para pessoa. O que vai definir essa organização será a bagagem, educação e experiência individual de cada ser.

Como um GPS que não é atualizado e se torna obsoleto frente às ruas e estradas, assim acontece com as redes neurais. Com o passar do tempo, se não renovamos as nossas experiências, as redes neurais vão se tornando viciadas, assim como os caminhos que percorremos e as atitudes que temos, pois as mudanças de realidades, cenários e oportunidades são cada vez mais rápidas.

O nosso cérebro é estruturado para reter informações novas, elaborá-las e integrá-las. Quando não aprendemos nada de novo, não mudamos velhos hábitos, não enriquecemos o nosso cérebro com novas experiências e acabamos entrando no famoso “piloto automático”, nível em que nossas conexões neurais se tornam fixas, cheias de programas de comportamentos automáticos que não são mais úteis para o sistema de evolução.

A velocidade de responder às mudanças será o diferencial no sucesso pessoal e profissional do ser humano. Essa agilidade, flexibilidade e adaptação às mudanças e inovações são o que mais nos será pedido no futuro. Porém, ocasionalmente o programa original se torna nossa única opção, pois nos dá a sensação de que é mais fácil repetir o programa ao mudá-lo, e assim se segue sem questionar.

Quantas vezes no trabalho repetimos comportamentos tendo reações inadequadas, sentindo emoções que nos remetem a quando éramos crianças? Quantas vezes o nosso agir automatizado diminuiu a qualidade dos nossos resultados?

Por vezes nos sentimos presos, encarcerados por esses esquemas mentais e de comportamento, desejando sair deles. Outras vezes, nos acomodamos neles, não querendo sair do lugar conhecido e almejando que tudo permaneça como está.

Precisamos interromper estes circuitos neurais utilizados por muito tempo habitual e automaticamente, sair do usual e do repetitivo, pois o nosso cérebro, para permanecer jovem, precisa aprender sempre coisas novas, experimentar novas áreas, habilidades e competências. Além do que nosso cérebro não é estático nem rígido, ele é modificável e constantemente remodelado e reorganizado pelos nossos pensamentos e experiências.

É necessário utilizar nossa vontade consciente e nosso poder de escolha para provocarmos as mudanças. Dessa forma, a nossa mente permite ser aberta para encontrar novos caminhos, novas oportunidades, opções e experiências, e se torna mais livre para criar e conceber infinitas possibilidades e realidades.

Eduardo Shinyashiki – Palestrante, consultor organizacional, especialista em desenvolvimento das Competências de Liderança e Preparação de Equipes. Presidente da Sociedade Cre Ser Treinamentos, Eduardo também é escritor e autor de importantes livros como Transforme seus Sonhos em Vida, da Editora Gente, sua publicação mais recente.

Padrão

5 passos para traçar metas

2.015 …..feliz Ano Novo!

Andréa Bertoncel LifeCoaching

Traçar metas requer dedicação, trabalho consciente , pensar sentir e agir com congruência, e principalmente respeitar sua essência e sua ecologia ( as pessoas e ambientes que são importantes para você).

Alguns passos são fundamentais, para o sucesso de suas metas, veja abaixo um rápido e efetivo video sobre o assunto feito por Rodrigo Cardoso.

Ver o post original

Padrão

Somente o necessário: Excessos costumam ser mais prejudiciais que as faltas  

Andréa Bertoncel LifeCoaching

por Carlos Hilsdorf


APRENDA A VIVER COM SIMPLICIDADEEmbora as pessoas reclamem com imensa frequência daquilo que não possuem, existe outra questão que merece toda a nossa atenção: aquilo que possuímos em excesso.

Aliás, os excessos costumam ser mais prejudiciais que as faltas, mas demoram mais para serem percebidos. As faltas nós notamos imediatamente, os excessos só quando despertam a nossa consciência.


Comemos em excesso (observe você mesmo), trabalhamos em excesso (anda cansado, não é?), guardamos coisas em excesso (dê uma olhada em suas gavetas), nos importamos em excesso com a opinião dos outros… Há um excesso de preocupações e acúmulo de “gorduras” em diversas áreas de nossas vidas.

Em geral, possuímos mais do que necessitamos para ser feliz, mas continuamos insistindo na desculpa de que não somos felizes porque nos falta alguma coisa. E de fato falta: falta assumirmos um estilo de vida mais franco, sincero e liberto.

Tudo o que temos em excesso…

Ver o post original 361 mais palavras

Padrão

Tomie, um exemplo

Andréa Bertoncel LifeCoaching

tomie 5Muitas vezes ouvimos dizer que é necessário ser agressivo, seguir um padrão de atitude para obtermos sucesso. Sermos impecáveis trilharmos um determinado padrão de hábitos e atitudes.

Eu particularmente acredito que quanto mais você for você mesmo e se dedicar ao que ama fazer, mais sucesso terá. potencialize o que você ja tem de melhor.

Veja o grande exemplo de Tomie Ohtake, que ontem dia 12/02/2015 seguiu para outras esferas após viver 101 anos.

Veio para o Brasil com 23 anos, casou, criou filhos. Aos 39 anos teve seu primeiro contato com as artes e daí, com sua meiguice e determinação foi desenvolvendo uma arte única, com características fortes.

Pela sua carreira consagrada Tomie Ohtake é considerada a “dama das artes plásticas brasileira”.tomie3

Por toda Sào paulo podemos ver suas belas obras pinturas, gravuras, esculturas, mosaicos,…

Seguiu trabalhando firme até o fim de sua vida. Dizia que não se sentia…

Ver o post original 277 mais palavras

Padrão

Medos

Todos nós seres humanos sentimos medo, algo perfeitamente normal, e que em determinadas situações é até essencial para a nossa sobrevivência. Quando sentimos medo em grau muito elevado, chamamos isso de fobia.

image   O medo pode ser de algo real e tangível, como, por exemplo, medo de altura, medo de cobras ou insetos, medo de escuro, medo de falar em público, ou medo de confinamento em um espaço pequeno, que chamamos de claustrofobia.

O medo também pode ser em relação a algo que não conseguimos definir com clareza. Por exemplo, o medo de tomar uma decisão, porque não enxergamos as consequências que dela poderão resultar. Ou seja, temos medo de errar, de fracassar, e por isso vivemos a vida na mesma monotonia da rotina de sempre.

Pense bem, caro ouvinte: quantas vezes você já não perdeu oportunidades na vida porque não teve a coragem de encarar os seus medos, seja quando deixou de se relacionar afetivamente com alguém, ou quando não realizou uma determinada viagem maravilhosa, ou quando deixou passar uma ótima oportunidade de mudar para um emprego melhor.

Devemos encarar os nossos medos, aqueles que nos causam angústia, seguindo um processo de três etapas: ….. http://www.benfranzpsicanalise.com.br/comentarios-max-fm/2014/12/18/como-enfrentar-medos

Padrão

Novo tempo

Andréa Bertoncel LifeCoaching

o tempo“Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança
fazendo-a funcionar no limite da exaustão.
.
Doze meses dão para qualquer ser humano
se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez
com outro número e outra vontade de acreditar
que daqui pra adiante vai ser diferente…
.
… para você,
desejo o sonho realizado.
O amor esperado.
A esperança renovada.
.
Para você,
desejo todas as cores desta vida.
Todas as alegrias que puder sorrir.
Todas as músicas que puder emocionar.
.
Para você neste novo ano,
desejo que os amigos sejam mais cúmplices,
que sua família esteja mais unida,
que sua vida seja mais bem vivida.
.
Gostaria de lhe
desejar tantas coisas
mas nada seria suficiente…
Então, desejo apenas que você tenha muitos…

Ver o post original 24 mais palavras

Padrão